DENTES DE LEITE COM ATRASO, DEVO ME PREOCUPAR?

Blog Single

Não, pois a idade média normal para o nascimento é por volta de 6 meses de idade. Um atraso em torno de mais de 6 ou 8 meses ainda poderá ser considerado dentro dos padrões da normalidade em sua população. Também poderemos ter dentes de leite que erupcionam (nascem) antes do prazo médio, ou seja, logo após o nascimento ("dente natal"), ou por volta de 2 a 3 meses de idade ("dente neonatal"). Se isso ocorrer, procure o odontopediatra.

Sintomas do nascimento dos primeiros dentinhos
Coceira e abaulamento da gengiva, com aumento da salivação, estado febril, e até fezes podem ficar mais líquidas. Para ajudar o rompimento dos dentinhos e melhorar esse desconforto, deveremos oferecer ao bebê alimentos mais duros e mordedores de borracha para massagear a gengiva.

Se os dentes de leite são temporários, por que é importante tratá-los?
A prevenção dos dentes de leite é muito importante porque prepara o caminho (guia) para a erupção dos dentes permanentes, mantendo em equilíbrio harmônico o crescimento das estruturas da face (dentes, ossos, e músculos) proporciona uma mastigação e deglutição adequada dos alimentos e consequente digestão. Um dente de leite comprometido seriamente por um processo de cárie poderá levar a uma infecção, acarretando a má formação do dente permanente.

Quando deve ser iniciada a escovação dos dentes de leite?
A escovação dos primeiros dentes deverá ser iniciada assim que estes estejam erupcionando, com escova infantil e de cerdas macias. Antes da erupção dos dentinhos, a boca e a gengiva do bebê já deverão ser limpas com gaze embebida em água filtrada. Os hábitos de higiene, aprendidos quando criança, serão levados para a vida adulta.